Últimas Novidades

26 fev 2020

Ambientes

Quatro excelentes ideias para espaços de estudo no quarto
Aqui, a colocação da escrivaninha atrás da cama possibilita separar o espaço do quarto da área de estudos. Destaque para o projeto luminotécnico, que visa oferecer maior claridade ao espaço. Além disso, a escolha de cores e móveis em tons neutros permite que o espaço acompanhe o crescimento da criança. (Projeto: Andréa Benthien Arquitetura | Foto: Rodrigo Ramirez/divulgação)
Ambientes

Quatro excelentes ideias para espaços de estudo no quarto

Conforme se aproxima o fim de janeiro, bate à porta mais um ano letivo – o que engloba desde o ensino básico até aqueles que optaram por pós-graduações. Nesse sentido, arquitetos, decoradores e designers de interiores estão atentos a algumas questões que podem influenciar no rendimento do aprendizado. Ter um espaço planejado, que inspire a criatividade e que auxilie na concentração é essencial para quem busca bons resultados e aprovações.

Para que a experiência seja a mais proveitosa e confortável possível, entram em cena alguns quesitos, como boa iluminação, móveis ergonômicos e organização. Também vale lembrar que um ambiente que favoreça o aprendizado não precisa ser frio e sem personalidade. Seja para os pequenos na pré-escola ou para quem está sempre em busca de mais conhecimento, é possível deixar o cantinho de estudos cheio de estilo e autenticidade.

Nesse contexto, a escolha das cores, revestimentos, mobiliário e itens decorativos para o espaço varia de acordo com a idade e as necessidades de quem usa o espaço. Para crianças menores, por exemplo, a criação de um ambiente lúdico e que instigue a criatividade facilita o desenvolvimento do aprendizado. Em relação aos revestimentos, o ideal é optar por materiais que sejam laváveis e tenham maior durabilidade. Já para adolescentes e adultos, itens decorativos que tenham traços da personalidade do morador podem ser uma boa alternativa para tornar a tarefa mais atrativa. Separamos então algumas propostas inspiradoras de cantinhos de estudo. Confira abaixo:

Aqui, a colocação da escrivaninha atrás da cama possibilita separar o espaço do quarto da área de estudos. Destaque para o projeto luminotécnico, que visa oferecer maior claridade ao espaço. Além disso, a escolha de cores e móveis em tons neutros permite que o espaço acompanhe o crescimento da criança. (Projeto: Andréa Benthien Arquitetura | Foto: Rodrigo Ramirez/divulgação)
Aqui, a colocação da escrivaninha atrás da cama possibilita separar o espaço do quarto da área de estudos. Destaque para o projeto luminotécnico, que visa oferecer maior claridade ao espaço. Além disso, a escolha de cores e móveis em tons neutros permite que o espaço acompanhe o crescimento da criança. (Projeto: Andréa Benthien Arquitetura | Foto: Rodrigo Ramirez/divulgação)
Setorizar os espaços também é uma saída para quem deseja focar nos estudos. Longe das distrações, é mais fácil otimizar os processos e garantir o aprendizado dos conteúdos. (Projeto: Daniela Barranco | Fotos: Gerson Lima/divulgação)
Setorizar os espaços também é uma saída para quem deseja focar nos estudos. Longe das distrações, é mais fácil otimizar os processos e garantir o aprendizado dos conteúdos. (Projeto: Daniela Barranco | Fotos: Gerson Lima/divulgação)
Nesse projeto cheio de personalidade, um dos destaques fica por conta da escolha da cadeira: o conforto é muito importante para o momento dos estudos. É essencial que tanto as costas quanto os pés estejam sempre bem apoiados e que os braços façam um ângulo de 90º no cotovelo ao escrever ou digitar. (Projeto: Valliatti & Tomasi Patrão | Fotos: Diego Pisante/divulgação)
Nesse projeto cheio de personalidade, um dos destaques fica por conta da escolha da cadeira: o conforto é muito importante para o momento dos estudos. É essencial que tanto as costas quanto os pés estejam sempre bem apoiados e que os braços façam um ângulo de 90º no cotovelo ao escrever ou digitar. (Projeto: Valliatti & Tomasi Patrão | Fotos: Diego Pisante/divulgação)
Ambientes com uma pegada mais clean são ideais para quem se distrai com facilidade. Nesse projeto, a escolha de cores neutras instiga tranquilidade, enquanto os quadros conferem personalidade ao espaço. (Projeto: UNIC Arquitetura | Foto: Eduardo Macarios/divulgação)
Ambientes com uma pegada mais clean são ideais para quem se distrai com facilidade. Nesse projeto, a escolha de cores neutras instiga tranquilidade, enquanto os quadros conferem personalidade ao espaço. (Projeto: UNIC Arquitetura | Foto: Eduardo Macarios/divulgação)

Publicações Relacionadas