Um minimalismo que toca a alma

Assim é o apartamento da designer Vicky Schauffert, com interiores criados por ela mesma. A atmosfera clean dos ambientes remete ao conceito Minimal, no qual a atenção se volta ao que realmente importa.

Vicky Schauffert é do tipo de pessoa que tem necessidade de criar. Formada em design de moda, possui experiências intensas com o design de interiores. Adora ambientes limpos, que sejam modernos, atemporais e “aquecidos” – aliando arte e design. “Acredito que menos é mais”, complementa.

E foi de acordo com suas convicções que concebeu os ambientes do apartamento onde mora com o marido e a cachorrinha Ginger, de um ano. O lar está situado em um prédio construído há 30 anos em Florianópolis, o que demandou uma profunda reforma. Com o apoio da arquiteta e amiga Adriele Guimarães para os detalhes técnicos – e também de uma empresa de engenharia – paredes foram removidas, acabamentos passaram por substituição e cômodos inteiros ganharam novas funções. Dois quartos transformaram-se em um, com dois banheiros e dois closets independentes. A dependência de empregada foi aberta para o corredor central, sendo agora o home office.

Quanto ao décor, Vicky partiu do princípio de criar uma base marcante e agradável. Assim, dispensa o uso de elementos que eventualmente estariam no projeto somente para distrair o olhar. A proprietária priorizou piso em madeira natural de Cumaru, material nobre e resistente. Já as áreas molhadas ganharam mármore, ao passo que todos os rodapés “sumiram” e as paredes foram reenquadradas, dando um ar mais atual. “Com a base forte, o apartamento como um todo ganha personalidade”, diz Vicky, destacando a praticidade e o alto valor estético de sua casa.