Últimas Novidades

20 set 2021

Destaques

Destaques

Boas impressões, por Fran Sartor

Os proprietários deste apartamento em Xanxerê têm as suas digitais em todos os detalhes do projeto executado para enaltecer o bom gosto, a desconexão e a serenidade de estar em família.

A profissão é um dos atributos que auxiliam a formar quem somos, o nosso cotidiano e, quando ligada às artes, enriquece o olhar e torna certas decisões criteriosas e pragmáticas. Designers gráficos, os proprietários deste apartamento de 130 metros quadrados estão por trás de cada detalhe, ambiente e decisão do projeto assinado por Franciele Sartor. Tamanha experiência com beleza, os clientes e a arquiteta andaram em plena harmonia para dar vida a espaços que compartilham de itens afetivos, design de qualidade e uma atmosfera que incita a permanência.

A reforma do apartamento resgatou atributos estéticos de alto padrão e os uniu a obras afetivas, que garantem a personalidade da família nos ambientes atemporais. Foto: Grasi Mohr

Como a imagem na sala de jantar com as digitais dos quatro moradores — o casal e suas duas filhas —, o projeto espelhou cada identidade e resultou em ambientes despojados, com os estilos contemporâneo e urbano integrados a uma calmaria enaltecida pela cartela de cores claras. O aconchego é estimulado com a escolha pela madeira, linho, couro e outros materiais naturais, além da amplitude tão desejada pelos familiares — tudo para se desconectar do agito mundano e curtir a interioridade.

Foto: Grasi Mohr

Coração do projeto, a área social foi conectada na reforma estrutural e os ambientes ganharam particularidades estéticas e bastante amplitude. Com a escolha por tons claros e a textura da madeira, o visual está interligado e foi proposto para ser clean e sereno, como enaltecido no desenho da mesa de jantar e das cadeiras. Ripas amadeiradas deixam o espaço de jantar mais aconchegante, assim como o pendente contemporâneo.

Foto: Grasi Mohr

A entrada da lavanderia e da área íntima foi camuflada por ripas cinzas, que fazem conexão com a bancada bicolor e o restante da cozinha.

Foto: Grasi Mohr

PONTOS-CHAVE:

• Mesclando atributos da linguagem contemporânea e do estilo urbano, o resultado foi um projeto despojado, mas com uma essência particular. A decoração afetiva se destaca por meio dos quadros pintados pela proprietária, que fazem toda a diferença no décor e transmitem a aura familiar.

Foto: Grasi Mohr

• Um dos desejos dos clientes foi o planejamento de espaços tranquilos, feitos para os moradores se reconectarem longe do movimento. A arquiteta cumpriu com excelência e a serenidade é refletida a partir da paleta de cores claras, presente desde a pintura até a escolha da movelaria.

• A iluminação intimista marca a área social, lugar que será palco de reuniões familiares, assim como o piso laminado.

Foto: Grasi Mohr

Despojada, a área gourmet é aquele ambiente para se passar o tempo livre enquanto curte a boa gastronomia. Foi construída a partir de intervenções em seu layout e, apesar de ser integrada com a área social, sua estética recebeu tons mais escuros, uma responsabilidade do MDF Chumbo do mobiliário e o Granito São Gabriel.

Foto: Grasi Mohr

Além da movelaria em linhas retas bem definidas, o piso em porcelanato possui tom de cimento queimado e é um clássico da vertente contemporânea.

Foto: Grasi Mohr

No final do dia, o casal tem uma suíte master com todos os elementos que realçam o seu conforto. Entre eles, a iluminação indireta, assim como as diversas texturas que enaltecem o aconchego e a claridade realçada pelos tons claros.

Foto: Grasi Mohr

O ponto principal do ambiente é a própria cama que, segundo a profissional, foi escolhida pelo tamanho baixo e por refletir a sensação de abraçar os usuários.

Foto: Grasi Mohr

Um quarto dos sonhos foi planejado para as filhas, um espaço de puro encantamento com seus elementos lúdicos. A arquiteta projetou dosséis em madeira para as duas camas, que foram ressignificados do estilo clássico, assim como o desenho ornamental das cabeceiras. A paleta de cores foi um pedido dos proprietários e transmite leveza à atmosfera feminina.

Foto: Grasi Mohr

Na brinquedoteca, o objetivo foi torná-la um espaço de variadas funções: por isso, contém cama auxiliar que serve de sofá e de cama. Ainda foi adicionado um cantinho para realizar atividades escolares no espaço, tonalidade verde para instigar a imaginação e bastante espaço para as brincadeiras das crianças.

Foto: Grasi Mohr

DETALHANDO

1. Uma ode à literatura: esse cantinho é para proporcionar conforto na hora do hobby literário da família. A atemporal poltrona Charles Eames foi desenhada na década de 1950 e é composta com mesas de apoio e um tapete estampado. A estante conta a história dos moradores através de objetos pessoais. A estrutura recebeu iluminação direcionada e uma profundidade cênica.

Foto: Grasi Mohr

2. O estilo da movelaria é contemporâneo da cabeça aos pés: linearidade no desenho e poucos ornamentos entraram em jogo no projeto.

Foto: Grasi Mohr

3. A bancada de refeições rápidas assume duas tonalidades: o cinza, predominante na área social, e a madeira, elemento sempre bem-vindo por sua essência aconchegante.

Foto: Grasi Mohr

Publicações Relacionadas